4.º Simpósio IPES a 24 e 25 de setembro

O 4.º Simpósio IPES, a Concentração Solar e o Futuro vai decorrer nos dias 24 e 25 de setembro de 2018, em Évora, e irá encerrar com uma visita ao campo de concentradores solares parabólicos (3,6MWth) (está em curso a sua instalação), na Plataforma de Sais Fundidos de Évora (EMSP – Évora Molten Salt Platform), uma infraestrutura única em Portugal e na Europa.

O painel de oradores contará, como vem sendo habitual, com um notável conjunto de especialistas nacionais e internacionais nos vários tópicos da Energia Solar de Concentração para fins térmicos, em particular a termoeletricidade solar despachável. O Simpósio irá promover a discussão e obtenção de conclusões relativas a uma futura política energética nacional para a Energia Solar, através do respetivo debate.

A termoeletricidade solar despachável (isto é, associada ao armazenamento térmico de muitas horas de energia) vai ser a próxima etapa na forte penetração do solar na produção de eletricidade, para lá e em complemento do fotovoltaico. Portugal possui condições únicas, juntamente com o sul de Espanha, para o uso das tecnologias de concentração solar. Esta infraestrutura pretende, também, demonstrar a real possibilidade de exportação de tecnologia e de energia que, de forma estratégica, pode dinamizar a economia em torno de financiamentos internos e externos de sistemas de grandes dimensões.

O Projeto (HPS-2) é fruto da colaboração da Universidade de Évora e do DLR (Colónia) com um consórcio de empresas que inclui a TSK-FLAGSOL, ELTHERM, ESKOM, STEINMULLER ENGINEERING e YARA, com financiamentos dos Governo Alemão e da FCT, através da Infraestrutura Nacional de Investigação em Energia Solar de Concentração.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*