Reino Unido: 55 horas consecutivas sem carvão

O Reino Unido funcionou durante 55 horas consecutivas sem carvão, batendo o último recorde de 40 horas livres de recursos não renováveis atingido em outubro, segundo a Bloomberg.
Entre as 22h de segunda-feira (15 de março), em Londres e as 5h de quinta-feira (19 de março), o Reino Unido não utilizou fábricas de carvão e, paralelamente, registou-se uma produção superior de energia em turbinas eólicas. Como pioneiro na utilização de renováveis para a produção de energia, o Reino Unido tem um número de turbinas eólicas instaladas muito superior a outros países e igualmente campos de painéis solares que começam cada vez mais a atender à maior procura por fontes renováveis.
Ainda de acordo com a Bloomberg, o governo britânico prevê desligar todas as fábricas de carvão até 2025 e dar prioridade às energias renováveis.
De recordar que no passado mês de março o consumo de energia em Portugal foi totalmente assegurado por fontes renováveis durante um período de 70 horas.