renováveis magazine

ALER organiza workshop sobre as energias renováveis em Cabo Verde

Numa organização da ALER em parceria com a Câmara do Comércio…

Numa organização da ALER em parceria com a Câmara do Comércio, Indústria e Serviços de Sotavento (CCISS) realizou-se, no Centro de Energias Renováveis e Manutenção Industrial (CERMI), na Cidade da Praia, Cabo Verde, a 14 de outubro, um workshop sobre “O Envolvimento do Setor Privado das Energias Renováveis em Cabo Verde: Oportunidades e Desafios”. Para apresentar os resultados do inquérito “Perspetivas de Desenvolvimento das Energias Renováveis em Cabo Verde” desenvolvido pela ALER para aferir quais as perspetivas, necessidades e expetativas dos vários atores do setor das energias renováveis em Cabo Verde, principalmente do setor privado, o evento atraiu diversas entidades cabo-verdianas e empresas alemãs (previsto no programa da visita da delegação alemã a Cabo Verde), que participaram ativamente durante todo o debate, contribuindo para um melhor diálogo e partilha de conhecimento sobre as energias renováveis em Cabo Verde. Estiveram presentes como oradores no painel de debate, Osvaldo Nogueira (Chefe Gabinete de Produção de Energias Renováveis da Electra), Anildo Costa (Diretor Geral de Energia), Antão Fortes (CEO da Cabeólica), Emílio Benrós (Diretor da Lobosolar) e José Camilo de Pina (Coordenador dos Cursos de Estudos Superiores profissionalizantes no Departamento de Ciências e Tecnologia da UniCV) e o mesmo foi moderado por Jansénio Delgado (ECREEE).

Os resultados do inquérito da ALER em Cabo Verde ditam que o ambiente de negócios atual é apenas razoável apesar dos planos até hoje, sendo que uma maior percentagem acha que o ambiente tem vindo a melhorar e há uma clara confiança no futuro; em termos de categorias, o enquadramento regulatório do setor energético é a que tem barreiras mais severas, seguida do financiamento. Em termos de barreiras isoladas o poder de compra dos consumidores finais é a mais relevante, depois do regulamento de acesso às redes e da política fiscal e aduaneira; além disso, o grau de conhecimento do Plano Nacional de Ação para as Energias Renováveis (PNAER) não é tão bom quanto desejável mas todos concordam que é uma coisa boa e útil (apesar de causar alguma ansiedade) e vai permitir melhorar todas as categorias. Algumas dúvidas de melhoria em relação ao financiamento, consumidores finais e equipamento e serviços: para as empresas não é claro que participaram na definição e que defende os seus interesses mas ainda assim o PNAER cria condições para a sua participação. Atitude positiva em relação às metas e medidas, mesmo que não seja totalmente claro que foram identificadas todas as medidas e que permitem ultrapassar todas as barreiras. E na avaliação do associativismo nas renováveis a maioria das empresas considera que o setor privado não está organizado, que os interesses não chegam nem são tidos em consideração pelos decisores políticos, que não há um mecanismo de concertação e partilha e que há necessidade de uma entidade que defenda os seus interesses. A criação da ALER foi útil mas é necessária a criação de uma Associação Nacional e estas podem e devem colaborar.

O inquérito online foi respondido por 39 entidades (públicas e privadas), em que 23 eram empresas. As ações futuras da ALER em Cabo Verde são: organização de um grupo de trabalho, preparação de um relatório com análise dos resultados e recomendações para o próximo Governo, acompanhamento e participação no processo de revisão regulatória, apoio à criação da Associação Nacional de Energias Renováveis de Cabo Verde, e implementação da Rede de Energia da CPLP e dinamização do papel e da experiência de Cabo Verde. Durante a apresentação da ALER e das suas recentes iniciativas foi lançado o Diretório de Contactos ALER, uma plataforma online pretende congregar a listagem exaustiva de todas as Entidades, públicas ou privadas, ativas no setor das energias renováveis nos países lusófonos. O objetivo deste diretório é o de facilitar a identificação dos interlocutores institucionais, parceiros, financiadores, fornecedores e prestadores de serviços necessários ao desenvolvimento de projetos nesta área.

www.aler-renovaveis.org

Translate »