a miniprodução fotovoltaica em Portugal e parque fotovoltaico

gestão de parques fotovoltaicos

Um parque fotovoltaico implica um relevante investimento económico, e por isso espera-se que o rendimento…

Um parque fotovoltaico implica um relevante investimento económico, e por isso espera-se que o rendimento não tenha quebras mas sim melhorias substanciais ao longo do tempo. No entanto, em algumas instalações nota-se que há uma diminuição do rendimento devido a diversas causa como: o “mismatching” que significa ter diferentes rendimentos entre módulos num mesmo string, as sombras e sujidade, e as falhas que podem ocorrer no módulo. Para evitar que isto suceda é necessário contar com um sistema de gestão de produção de forma a optimizar o rendimento de um parque.

Com a melhoria no rendimento há uma optimização de rácios económicos com o aumento das margens de benefício e uma redução do tempo necessário para a recuperação do investimento, e evitam-se possíveis conflitos entre investidores num mesmo parque, devido a diferenças de produção durante o mesmo período. Consequentemente há uma diminuição de gastos na manutenção devido à localização rápida de avarias e à possibilidade de centralização da manutenção na “Sala de Control”. Um parque fotovoltaico é um conjunto de geradores de DC (módulo, ligados em série (string) em paralelo (seguidor) ao inversor.

Strings num parque fotovoltaico

Os parâmetros no parque fotovoltaico são o VP ou Tensão no Módulo, o Vs ou Tensão no String, o IS ou Corrente no String, o It ou Corrente DC Total. A Tensão no Módulo é o mesmo para todos os strings, ao passo que a Corrente DC Total é o somatório de todas as Correntes. E se necessitamos de ter uma informação mais detalhada, necessitamos de saber o valor da Corrente no String e na Tensão no Módulo.

A resposta típica V-I de um Módulo fotovoltaico segue uma curva como se nota na Figura 1, onde se observa, ao diminuir a radiação solar que a curva se mantém mas gera menos corrente.

João Paulo Polónio
Weidmüller, Sistemas de Interface

Para ler o artigo completo faça o download gratuito da “renováveis magazine” nº2. Verifique o seu email após o download. Pode também solicitar apenas este artigo através do email: a.pereira@cie-comunicacao.pt

      Selecione as sua(s) área(s) de interesse

      Utilize a tecla Ctrl para selecionar mais que uma opção

    Outros artigos relacionados

    Translate »