Pilz: nova versão das barreiras PSENopt II com proteção de corpo – segurança da cabeça aos pés

Pilz incrementou no seu portefólio de barreiras fotoelétricas, as barreiras PSENopt II…

Pilz Industrieelektronik, S.L.
Tel.: +351 229 407 594 
info@pilz.pt · www.pilz.pt

Pilz incrementou no seu portefólio de barreiras fotoelétricas, as barreiras PSENopt II que estão na versão para proteção corpo, mão e dedo. Graças à sua robustez, diagnóstico rápido e acessórios abrangentes, e campo de proteção com altura até 1500 mm é possível proteger os acessos a áreas de perigo de forma mais económica.

Com a maior categoria de segurança PLe e graças à resistência ao impacto de 50 gramas, as PSENopt II são robustas contra impactos, vibrações e colisões, garantindo a disponibilidade da máquina também em áreas industriais exigentes. A barreira de proteção de corpo é adequada para alcances até 50 metros e protege, por exemplo, o acesso a células robotizadas, máquinas de embalagem, ou prensas.

A distribuição espacial das barreiras é livre porque as barreiras não interferem umas nas outras mesmo em caso de proximidade espacial, graças à codificação. Isto aplica-se sobretudo quando a unidade emissora de um par de barreiras emite feixes na direção da unidade recetora de um segundo par de barreiras. Nesse caso é possível configurar os pares de barreiras de luz com códigos de feixes diferentes. A codificação está integrada em todas as barreiras PSENopt II. Para proteger os vários lados de uma área de perigo, é possível combinar as barreiras com colunas com espelhos PSENopt II correspondentes. Desse modo, até três lados de uma área de perigo são protegidos com apenas um par de barreiras e duas colunas de espelhos. Em combinação com o sistema de comando configurável PNOZmulti 2, a Pilz oferece uma solução económica da mesma fonte.

Download – Última edição

renováveis42

(Irá receber um email com o link de download.)