produção de biometano

produção de biometano – o gás natural renovável

Desde há alguns anos, o biogás começou a ser encarado como um produto de elevado valor energético quer para…

Desde há alguns anos, o biogás começou a ser encarado como um produto de elevado valor energético quer para a produção de energia eléctrica quer, recentemente, para a produção de biometano. O melhor aproveitamento do biometano passa pela sua injecção na rede de gás natural, o que permitirá disponibilizar esta energia renovável a todos os tipos de consumidores de gás natural.

O biogás (gás dos pântanos, gás de aterro, gás de digestor e gás de fermentação) é o gás formado a partir da degradação anaeróbica de matéria orgânica.

A composição do biogás depende do material orgânico utilizado e do tipo de transformação que sofre. No entanto, é uma mistura gasosa composta maioritariamente por metano (CH4 – 50 a 70%) e dióxido de carbono (CO2 – 25 a 50%), com uma pequena presença de outros gases, como hidrogénio (H2 – 0 a 1%), gás sulfídrico (H2S – 0 a 3%), oxigénio (O2 – 0 a 2%), amoníaco (NH3 – 0 a 1%) e nitrogénio (N2 – 0 a 7%).

A produção de biogás (digestão anaeróbia) tem sido difundida como uma forma de tratamento de resíduos. As áreas potenciais para a produção de biogás são as do sector agro-pecuário, do sector agro-alimentar, das Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR’s) e dos RSU (Resíduos Sólidos Urbanos). Desde há alguns anos, o biogás começou a ser encarado como um produto de elevado valor energético, quer para a produção de energia eléctrica quer, recentemente, para a produção de biometano.

Nuno Afonso Moreira, Amadeu Borges
CITAB – Universidade Trás-os-Montes e Alto Douro – Departamento de Engenharias – Vila Real, Portugal; nam@utad.pt
Adriana Machado

Sonorgás – Departamento de I&D – Vila Real, Portugal.

Para ler o artigo completo faça o download gratuito da “renováveis magazine” nº4. Verifique o seu email após o download. Pode também solicitar apenas este artigo através do email: a.pereira@cie-comunicacao.pt

      Selecione as sua(s) área(s) de interesse

      Utilize a tecla Ctrl para selecionar mais que uma opção

    Outros artigos relacionados

    Translate »