Startup portuguesa vence programa internacional de tecnologias limpas e energia

Startup portuguesa vence programa internacional de tecnologias limpas e energia

A startup portuguesa Ionseed venceu o Programa Incense…

A startup portuguesa Ionseed venceu o Programa Incense, a par de outras 28 empresas, através da apresentação de uma ferramenta de controlo dos sistemas energéticos, concretizada numa plataforma na cloud para o controlo distribuído de energia bem como aplicações móveis que permitem monitorizar as caldeiras de água e, assim, gerir a procura e o armazenamento de energia. O prémio surge através da 2.ª edição do Programa Incense, coordenado pela Endesa, Enel, Accelerace e FundingBox, e consiste num valor pecuniário de até 150 mil Euros e de seis meses de consultoria para que a empresa portuguesa possa crescer. A cerimónia de anúncio dos vencedores decorreu a 19 de janeiro na sede da Enel, em Roma, Itália.

Para o vencedor e fundador da ionseed, João Pinto, “este prémio é o reconhecimento do trabalho que temos vindo a desenvolver ao longo dos últimos anos, sendo que, através do nosso projeto queremos gerar importantes mudanças no setor, melhorar a qualidade de vida das pessoas e ajudar na criação de um mundo mais sustentável”. Um dos objetivos desta ferramenta é que possa ser disponibilizado aos fabricantes de caldeiras, para que a incorporem diretamente aquando do seu fabrico. O Programa Incense é um acelerador de tecnologias limpas e energia, e uma iniciativa conjunta, cofinanciado pelo programa para empreendedores Fiware Accelerator, e promove a inovação e o desenvolvimento de emprego no setor energético e das tecnologias limpas. O Diretor-Geral da Enel, Francesco Starace, sublinha que “após o sucesso da 1.ª edição do programa Incense, a Enel renova o seu compromisso em apoiar a inovação, o empreendedorismo e o crescimento socioeconómico”. Cada startup vencedora receberá até 150 mil Euros, sem entrada no capital social da empresa, bem como apoio de consultoria, mais concretamente um programa de incubação de seis meses, formações com especialistas do setor, apoio na preparação de candidaturas a financiamentos europeus e apoio empresarial dos parceiros e da rede Incense. O Programa Incense tem um orçamento de cerca de 8 milhões de euros, cofinanciados pela Comissão Europeia, e já disponibilizou apoio a 42 startups, 14 na 1.ª edição e 28 na 2.ª edição, lançada em junho de 2015 e com 257 inscrições de toda a Europa e Israel.

www.ionseed.eu/

Translate »